PÁGINAS INDEPENDENTES

28 de set de 2014

DE VIDRO e DE ÓCULOS


O Google me informou:
No caso dos modelos de vidro ou cristal, fatias grossas desses materiais são partidas por uma serra especial. Os pedaços são cortados em forma circular e aquecidos até ficarem maleáveis. Depois, são colocados num molde do tamanho e da curvatura que se deseja dar às lentes. Em seguida, as superfícies são lixadas com um composto químico formado de carbono e silício, ou com um esmeril áspero, para adquirirem o formato final. O polimento fino é feito com uma farinha especial abrasiva. Por último, as bordas são aparadas para centrar as lentes e dar-lhes o diâmetro correto, de modo que os feixes de luz que irão atravessá-las se concentrem num único ponto - a retina. As variações na curvatura e na espessura determinam o grau das lentes.
Isso posto, posso dizer:


VIDRO SE PRESTA À FABRICAÇÃO DE LENTES.

E, com sete palavras, formar uma frase para brincar com a Chica

Então, lembrei-me de uma brincadeira que gostava de brincar quando criança e voei até um blog da Anne, participar da SEMANA COLORIDA.


E voei de volta à minha infância:
Um dia, vi uma mulher de óculos de sol, estilo gatinho. Fiquei encantada e imaginei que o mundo poderia ficar cor de rosa, lilás, verde, enfim, eu poderia ter o mundo da cor que eu quisesse, bastando trocar a cor do óculos de sol... 
Mas. eu não óculos... só tinha sonhos.
Um dia, ganhei dois chocolates: um Diamante Negro e um Sonho de Valsa.
Saboreei, primeiro o Sonho de Valsa e era gostoso, mas pus o celofane rosa (faz tempo...) diante dos olhos e tudo ficou cor de rosa... como se fosse uma menina de óculos.
Depois, comi o Diamante Negro e era a maior das delícias... mas não consegui enxergar nada através daquele papel preto.



25 de set de 2014

MOMENTOS INESQUECÍVEIS

Minha amiga Roselia, organizou um Projeto, onde deveríamos mandar o nome de alguma pessoa (física, jurídica, coletiva...) para que fosse homenageada virtualmente.
Eu aproveitei a oportunidade para interagir na blogosfera e ontem ganhei uma flor da Roselia por ter sido "Jardineiro das Causas Justas".

Outrossim, vi no blog da Silvana, que também foi "Jardineiro das Causas Justas", um post/homenagem/agradecimento. 
O post falava sobre a entidade que ela homenageara através da Roselia.

O fato é que resolvi continuar com a interação e copiei a ideia da Silvana e... "dando os trâmites por findos...",...
Venho lhes falar sobre a FUNDAÇÃO INICIATIVA, ou melhor, sobre as experiências tanto gratificantes quanto inesquecíveis durante o tempo em que, como voluntária em uma ONG (Cão Amigo & Cia) com meu pequeno DOG, pude conviver com aquelas crianças.
Algumas cenas foram fotografadas:
Muitas vezes, passear com meu pequeno Dog, era apenas pretexto... ;-)
O grande Igor (Labrador) aceitava qualquer tipo de brincadeira 
 Não fotografei, mas parece que ainda vejo o G (uns 6 anos), recostado na grande Mel (São Bernardo). Enquanto a cachorra ficava tranquilamente deitada, o menino conversou longa e alegremente com o "tio" Paulo, proprietário da Mel.

OBS: cada atividade tem, no máximo, duração de duas horas, para não estressar os cães.

22 de set de 2014

 Escrevi o poema O ANO em 2000.
Agora, só me interessa a Primavera, pois quero participar da 
da Anne, no blog MENINA VOADORA com esta poesia:

O ANO
“Águas de março” fecham o verão.
Quente e agradável, o verão.
Outono, transição.
Inverno, frio, agradável.
Fogo e neve
bonitos ou não.
Primavera.
Bonita.
Acasalamento, casamento.
Amores, flores, cores.
Procriação.
Criação.
E prenúncio agradável e quente
De verão.

Na mesma ocasião, meu pequeno jardim estava em formação e meus gatinhos brincavam por ali.
Fiquei empolgada e escrevi ainda esta poesia que traz a sensação de uma FESTA DA PRIMAVERA.

O JARDIM 

Folha a crescer
Flor a florescer
Inseto a correr
Borboletas coloridas voando
Gatos brincando

E, imitando os gatos, estou BRINCANDO COM A CHICA e aí está minha participação:

"Primavera: traz-me a SENSAÇÃO de leveza."




18 de set de 2014

BATOM...


Navegando pela blogosfera, vi no blog da Rita  um post em que ela menciona não conseguir viver sem batom.
Continuando o passeio, vi no blog da Calu uma alusão ao "espelhinho de batom" como parte de um "Kit de apoio imediato".

Essas duas postagens trouxeram-me à lembrança um episódio ocorrido no período pré-rodinhas, quando eu não conseguia sair sem batom... e eu tinha uma caixinha quase igual a esta aí da esquerda, onde eu carregava sempre um "batonzinho", o qual eu estava sempre retocando e 'conferindo' no espelhinho.

Eis o episódio:

Eu trabalhava no TRT a poucos meses. Um dia, a chefe recebeu um telefonema pedindo que evacuássemos o prédio, pois havia uma ameaça de bomba e os bombeiros iriam entrar para procurar e desativar o objeto.

A chefe pediu que descêssemos rapidamente, sem tumulto e pelo elevador (as escadas deveriam estar livres...) estávamos no 4º andar e olhávamos, ansiosos, para o elevador.


De repente, uma colega voltou a adentrar nossa sala de trabalho... nesse ínterim o elevador chegou e , em uníssono, chamamos por ela, que logo chegou esbaforida trazendo minha caixinha:

-"Menina, você ia ficar sem seu batom!"


- "rs rs rs... kkkkkkk".

Já fora do prédio, ficamos olhando de longe até que veio um segurança avisar que tudo fora um alarme falso. 

Foi só um susto: estávamos a salvo... eu e meu batom.


Desde aquele dia, passaram-se 25 anos.
Estou vivendo o período 'pós-rodinhas'.
Não fui mais "vitimada" por nenhum alarme falso.
Agora é verdade!
Esta é a minha realidade atual e espero que todos a aceitem, assim como eu a aceitei.
Continuamos a salvo.. eu e meu batom, o qual agora é simplesmente um hidratante labial incolor.
Dispenso o espelhinho, mas não dispenso o 'batonzinho', o qual preciso segurar com as duas mãos, por carência da chamada "coordenação fina".


13 de set de 2014

A HISTÓRIA DAQUELAS MARGARIDAS


Margaridas espalhadas sobre pedras e dormentes... qual  será a história a envolver estas flores?



Esta é a minha participação no Projeto



Uma imagem - 140 Caracteres, atualmente sob a responsabilidade
da SIL e da MARI


12 de set de 2014

"ESPALHANDO AMOR"

Parabéns Elaine pelo seu aniversário e de seu blog dia 15/09!

FALANDO DE AMOR 
Do amor exclusivo a uma só gente não quero mais falar.Do amor abrangente a toda gente eu quero falar.
Mimado ou carente, abastado ou indigente, saudável ou doente, doutor ou paciente, com ou sem dente, cético ou crente,criança ou adolescente, estranho ou parente, vivente ou sobrevivente,culpado ou inocente, obtuso ou inteligente, do oriente ou do ocidente, igual ou diferente.
A toda a gente eu quero amar.
Escrevi estas palavras a uns dez anos e durante algum tempo me questionei de onde viria o amor que eu queria espalhar... agora já sei: Deus o espalha na Natureza - basta saber sentir.

Aí está um bom exemplo... posso colher amor no meu jardim...

8 de set de 2014

LIEBSTER AWARDS

O Liebster Awards é um selo de partilha e amizade entre blogs com menos de duzentos seguidores. 
Meu Blog - Assim, Assim foi indicado a este prêmio pelas amigas  MARI e LU CAVICHIOLI
Sinto-me feliz e honrada com as indicações!

Para aceitar os prêmios, as regras são:
1- Colocar o Prêmio em seu blog
2- Responder às questões
3-Remeter o selinho para 4 blogs que tenham menos de 200 seguidores com as mesmas questões
4-Não repassar para o blog que lhe enviou
5-Informar o blog que o nomeou para que o mesmo possa acompanhar suas indicações

QUESTIONÁRIO RESPONDIDO

O que você acha do nível de blogs na internet?
Nunca fiz a média ;-) Para mim, a internet é uma vizinhança virtual, onde há vizinhos com vários hábitos... e onde podemos escolher a “vizinhança” e, nela, visitarmos os amigos com os quais temos alguma afinidade aparente.

Como você definiria seu blog?
No meu blog pessoal, procuro relatar fatos relevantes do meu dia a dia, intercalados a atividades de interação, como esta proposta/prêmio e algumas BCs. Neste eu respondo a todos os comentários, pois não consigo conceber que um amigo(a) venha me visitar e eu não fale com ele (a). Responder, pra mim, é a prioridade da minha atividade blogueira.
O que eu chamo de ‘nosso blog’,  o E-Library é um blog em que me considero administradora, é dedicado exclusivamente á interação através da Literatura por autores/amigos da blogosfera contemplando, exclusivamente no formato virtual, a leitura para quem, assim como eu, encontra dificuldade no manuseio de livros impressos em papel.

Está difícil blogar hoje em dia?
Embora meu objetivo seja interagir, minha dificuldade é unicamente PESSOAL e MOTORA, pois apesar de ser aposentada, minha digitação é muito lenta. Quanto ao conteúdo de outros blogs, não me atingem e comentários inconvenientes, excluo e ignoro.
Que tipo de conteúdo você não gosta de ver num blog?
Fofocas e/ou pornografia.

ASSUNTOS DIVERSOS

O que no Brasil necessita de melhoras?
Sem dúvida, a EDUCAÇÃO, pois tudo o mais decorre da qualidade da educação.

Já tem seu candidato à Presidência?
Não.

Quais assuntos você não abordaria numa conversa entre amigos?
Futebol e/ou Políticagem

Filme Preferido?
Sociedade dos Poetas Mortos

Onde Gostaria de morar?
Estou bem, aqui onde estou.

Como você se vê?
Uma mulher inteira.

Como gostaria que as pessoas lhes vissem?
Assim como eu sou.

BLOGS INDICADOS AO SELO


http://descobertasmae.blogspot.com.br/ da Jeise Borges

http://www.escritosdalma.com.br/ da Roselia

http://casinhadapoesia.blogspot.com.br/ da Gracita

6 de set de 2014

O QUE SERÁ, SERÁ...

Clique nos links abaixo para saber mais sobre este Projeto que está em sua 50ª edição
http://www.devaneiosedesvarios.com/
http://meusdevaneiosescritos.blogspot.com.br/
E leia a minha contribuição:

Embalada pela luxuriante natureza que a cerca e pelo som da própria música, ela se deixa levar, tranquilamente, pela correnteza...

4 de set de 2014

CORUJA


A CORUJA é um animal discreto e sábio por natureza, o que se vê na sua aparência, pois macho e fêmea são iguais... diferentemente de outras espécies animais.
Por exemplo: o pavão ostenta seu maravilhoso leque de penas, enquanto a fêmea nada tem a ostentar;  o leão desfila, altivo, uma grande cabeleira (juba), enquanto a leoa nasceu para viver sem juba; e, vai-se por aí afora.

A grande maioria dos animais é poligâmica por natureza... já a

Coruja
Monogâmicas por natureza, as corujas vivem em família, e o cuidado com os filhotes é papel tanto do macho quanto da fêmea.

A comunicação entre os casais de corujas, através de cânticos noturnos, é extremamente eficiente, o que já não podemos dizer da comunicação entre muitos casais de humanos.


Esta é minha participação na

SERELEPE - QUEM????

Será que ainda dá tempo?
Aaahhh! também vou brincar um pouco com a Chica.

SERELEPE: um esquilo; um macaquinho; um moleque!


2 de set de 2014

NÃO TEM PREÇO


Noite dessas, recebi antigos colegas da Faculdade. Era um pequeno grupo de quatro pessoas.
Vale lembrar que todos tem hoje a idade que eu tinha quando iniciamos o curso.
Entre gargalhadas rememoramos fatos e, também, impressões recíprocas.
Fiquei, literalmente, com dor de barriga, acho que de tanto rir enquanto comia... é que eu e a minha traqueia não temos nos entendido: às vezes, engulo ar e, em outras vezes, inspiro coisas sólidas que gostaria de ter engolido.


Mas, QUE A DOR DE BARRIGA (por engolir ar) E O ENGASGAMENTO (por aspirar sólidos) SEJAM CAUSADOS POR GARGALHADAS COM AMIGOS!

**********
********
******

Mais tarde, rememorando sozinha as tais “impressões recíprocas” e aproveitando a "remexida" no subconsciente, fui levada a uma profunda reflexão... mas esse é outro assunto e, provavelmente, se traduzirá numa prosa literária, a ser publicada no E-Library.