PÁGINAS INDEPENDENTES

17 de jul de 2011

O QUE É VIVER BEM?

RECEBI, GOSTEI E COMPARTILHO...

       Um repórter perguntou à CORA CORALINA o que é viver bem?
       Ela disse-lhe:
       "Eu não tenho medo dos anos e não penso em velhice.  
       E digo pra você, não pense.
       Nunca diga estou envelhecendo, estou ficando velha. Eu não digo.
       Eu não digo estou velha, e não digo que estou ouvindo pouco.
       É claro que quando preciso de ajuda, eu digo que preciso.
       Procuro sempre ler e estar atualizada com os fatos e  isso me ajuda a vencer as dificuldades da vida.
       O melhor roteiro é ler e praticar o que lê.
       O bom é produzir sempre e não dormir de dia.
       Também não diga pra você que está ficando esquecida, porque assim você fica mais.
       Nunca digo que estou doente, digo sempre: estou ótima.
       Eu não digo nunca que estou cansada. Nada de palavra negativa.
       Quanto mais você diz estar ficando cansada e esquecida, mais esquecida fica.
       Você vai se convencendo daquilo e convence os outros.
       Então silêncio!
       Sei que tenho muitos anos. Sei que venho do século passado, e que trago comigo todas as idades, mas não sei se sou velha não.

       Você acha que eu sou?
       Posso dizer que eu sou a terra e nada mais quero ser.

       Sei que alguém vai ter que me enterrar, mas eu não vou fazer isso comigo.
       Tenho consciência de ser autêntica e procuro superar todos os dias minha própria personalidade, despedaçando dentro de  mim tudo que é velho e morto, pois lutar é a palavra vibrante que levanta os fracos e determina os fortes.
       O importante é semear, produzir milhões de sorrisos de solidariedade e amizade.
       Procuro semear otimismo e plantar sementes de paz e justiça.
       Digo o que penso, com esperança.
       Penso no que faço,  com fé.
       Faço o que devo fazer, com amor.
       Eu me esforço para ser cada dia melhor, pois bondade também se aprende!”
                      CORA CORALINA

5 comentários:

  1. JAN, receita de ‘bem viver’ dada por Cora Coralina é algo para prestarmos muita atenção; simplicidade é sua marca. Creio que estou aprendendo a liberar e viver minha autenticidade...
    Você está gostando de meus personagens? ‘°~° Que bom! Beijo! Boa noite de domingo!

    ResponderExcluir
  2. Jan
    Lindo esse texto de Cora Coralina, sábia e talentosa, sempre! Lembrei-me um pouco de minha mãe, Marina, que aos 86 anos, não pensa na morte, sabe que está idosa, mas curte o que pode da vida, vê todos os jornais da mídia impressa e televisiva, faz palavras cruzadas, e só o que a limita, as longas caminhadas, é que ela também não recusa: passa a mão na cadeira de rodas e rumo ao cabeleireiro, ao shopping, à igreja, seja onde for. Beijos, minha querida, te gosto muuuuito. Uma bela semana pra você!

    ResponderExcluir
  3. A linda Cora era sábia nas intenções e maga nas poesias.Como ela, creio nessa mesma prática:palavras negativas, jamais.Tudo o que afirmamos em relação a nós próprios tem força de convicção.Então, quero repetir sempre; tenho saúde e alegrias todos os dias.
    Belo exemplo vc nos traz, Janice.
    Bjkas,
    Calu

    ResponderExcluir
  4. "Sei que alguém vai ter que me enterrar, mas eu não vou fazer isso comigo."

    sábias palavras!

    ResponderExcluir
  5. senti uma alegria grande ao ler este texto, voce esta de parabens! bjusssss

    ResponderExcluir

QUE BOM QUE VOCÊ VEIO!
PRETENDO RESPONDER AO SEU COMENTÁRIO...
SENTE-SE, TOME UM CAFEZINHO E CONVERSE COMIGO.

VOLTE SEMPRE