PÁGINAS INDEPENDENTES

17 de abr de 2012

ACONTECEU... ACONTECE

Cada vez que saio de casa acontecem fatos especialmente extraordinários... mas, bom mesmo é chegar em casa e encontrar os dois 'pequenos' que me recebem na porta.
Fui ao dentista... um dentista que é 'meu' há mais de quarenta anos e tornou-se amigo. Ele é assinante de um jornal... guarda exemplares já lidos pra mim (pra limpar cocô de cachorro na calçada). Ontem eram três sacolas enormes e eu havia dispensado o taxi. Além disso eu queria ir até um shopping que fica há uns 2 ou 3 quarteirões de distância do prédio onde é o consultório.
Depois de efetuados os restauros odontológicos, conversávamos sobre como fazer a 'operação jornais', quando ele olhou da janela do 14º andar pro grande shopping e perguntou como eu pretencia ir até lá. Eu disse que iria a pé, como se fosse a coisa mais óbvia do mundo...
Então vi o rosto do meu velho amigo abrir-se numa gostosa, sincera e simpática gargalhada, de quem conhece toda a minha difícil trajetória e sentiu-se bem diante da minha resposta:
- "Você vai a pé???!!!:-)))))))".
Entre carros buzinando, sacolejos e solavancos, eu e a cuidadora/acompanhante que empurrava a cadeira de rodas, adentramos ao shopping (pra quem conhece Curitiba, falo do Shopping Mueller) e passeei, olhei vitrines, fiz compras (na farmácia... mas na farmácia do Muller;-)
Depois, embarquei em outro taxi, passamos pra pegar as sacolas na portaria e vim pra casa, com o coração leve e a alma refrigerada.


8 comentários:

  1. Conheço este shopping sim e admiro pessoas que conseguem viver (não apenas sobreviver) sem se vitimizar com as certas coisas que a vida nos traz.
    Gostei muito desta postagem Jan. Mesmo.

    ResponderExcluir
  2. Oi Cris
    Que bom que você gostou!
    Descobri que vitimismo não leva a nada e acho que devo divulgar esta ideia... por isso me exponho.
    E vejo, na atitude das pessoas que a recepção é boa.
    E, assim, vou VIVENDO;-)

    Abração e obrigada pelo seu comentário.
    Jan

    ResponderExcluir
  3. Maravilha: de amizades!

    daqueles que conhecemos pela necessidade e o tempo os faz cúmplices,

    daqueles que nos esperam, nos entendem e nos dão amor de graça,



    bjkas Querida Jan1

    ResponderExcluir
  4. Oi Alê, bom ler seu comentário.
    Vc abordou um aspecto importante: "daqueles que nos..., entendem e nos dão amor de graça." e com graça;-)

    Abração
    Jan

    ResponderExcluir
  5. Oi Jan,

    é isso aí! Tem que sair, passear, aproveitar a vida mesmo nas coisas pequenas.
    Admiro-te!

    bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Foi bom... mas os "antecedentes" ajudaram;-))

      Abração
      Jan

      Excluir
  6. Nada melhor que ter seu "médico/seu dentista", isso faz uma grande diferença, né Jan?
    E sejam os pés ou as rodas, o que vale é passear.Quando estou meio entediada, me mando pro shopping e vejo vitrines de cima a baixo.Pronto.Volto animadinha pra casa.
    Bjkas,
    Calu

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Calu,vc nem imagina como eu gosto de olhar vitrines de sapatos...
      Morei pertinho do shopping em questão e ia lá a pé. Então...:-))((

      Abração
      Jan

      Excluir

QUE BOM QUE VOCÊ VEIO!
PRETENDO RESPONDER AO SEU COMENTÁRIO...
SENTE-SE, TOME UM CAFEZINHO E CONVERSE COMIGO.

VOLTE SEMPRE