PÁGINAS INDEPENDENTES

18 de set de 2014

BATOM...


Navegando pela blogosfera, vi no blog da Rita  um post em que ela menciona não conseguir viver sem batom.
Continuando o passeio, vi no blog da Calu uma alusão ao "espelhinho de batom" como parte de um "Kit de apoio imediato".

Essas duas postagens trouxeram-me à lembrança um episódio ocorrido no período pré-rodinhas, quando eu não conseguia sair sem batom... e eu tinha uma caixinha quase igual a esta aí da esquerda, onde eu carregava sempre um "batonzinho", o qual eu estava sempre retocando e 'conferindo' no espelhinho.

Eis o episódio:

Eu trabalhava no TRT a poucos meses. Um dia, a chefe recebeu um telefonema pedindo que evacuássemos o prédio, pois havia uma ameaça de bomba e os bombeiros iriam entrar para procurar e desativar o objeto.

A chefe pediu que descêssemos rapidamente, sem tumulto e pelo elevador (as escadas deveriam estar livres...) estávamos no 4º andar e olhávamos, ansiosos, para o elevador.


De repente, uma colega voltou a adentrar nossa sala de trabalho... nesse ínterim o elevador chegou e , em uníssono, chamamos por ela, que logo chegou esbaforida trazendo minha caixinha:

-"Menina, você ia ficar sem seu batom!"


- "rs rs rs... kkkkkkk".

Já fora do prédio, ficamos olhando de longe até que veio um segurança avisar que tudo fora um alarme falso. 

Foi só um susto: estávamos a salvo... eu e meu batom.


Desde aquele dia, passaram-se 25 anos.
Estou vivendo o período 'pós-rodinhas'.
Não fui mais "vitimada" por nenhum alarme falso.
Agora é verdade!
Esta é a minha realidade atual e espero que todos a aceitem, assim como eu a aceitei.
Continuamos a salvo.. eu e meu batom, o qual agora é simplesmente um hidratante labial incolor.
Dispenso o espelhinho, mas não dispenso o 'batonzinho', o qual preciso segurar com as duas mãos, por carência da chamada "coordenação fina".


23 comentários:

  1. Que linda volta ao tempo fizeste ao ler nossas amigas Rita e Calu! E que susto, mas sem o batom não dava,rs... E que bom, hoje, ainda mantem esse gosto por ele. bjs, tudo de bom,chica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É assim mesmo Chica!
      Um batonzinho à mão é sempre solução. Uééé, rimou!

      Abração
      Jan

      Excluir
  2. Olá, querida JAN
    Ainda tem uma coisa ótima para usá-lo sempre: evita de que os lábios se ressequem pelo frio, vento ou calor extremo...
    Gostei!
    Também uso o meu e é só o que ponho pra sair por aqui...
    Bjm fraterno

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Roselia!
      Meu objetivo principal em usar batom, sempre foi hidratar os lábios... mas já houve tempo que o batom era um item indispensável à minha "make" diária.

      Agora só uso hidratante mesmo, tanto na pele quanto nos lábios e, nos olhos, só colírio.

      Abração
      Jan

      Excluir
  3. Bela prova de amizade das tuas colegas! e, ainda bem, que não abandonaste o hábito, com ou sem rodinhas precisamos nos cuidar.
    Grande abraço!
    Sonia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade Sonia!
      Talvez aquele batom fosse importante pra todas...
      E, sim: Precisamos nos cuidar, sempre!

      Abração
      Jan

      Excluir
  4. Rsrsrsrs, a gente se liga num batonzinho, com ou sem cor, né Jan!
    Noves fora todo o pânico, é preciso manter a elegância.Tua colega foi certeira na regra :D
    Muito grata pelo carinho do compartilhamento.
    Bjkas rosadas,
    Calu

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Calu!
      Gostei do "noves fora" ;-)
      São muitos "noves",mas o batonzinho é DEZ!!!

      Abração
      Jan

      Excluir
  5. Bom dia Jan, um susto, a aceitação da realidade e o batonzinho que sempre dá jeito, para colorir ou simplesmente para hidratar!
    Também não o dispenso com ou sem espelhinho.
    Um beijinho e óptimo dia com muitas flores;))!
    Ailime

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ailime!
      É isso aí.
      Viva o batonzinho!!!!!
      Obrigada pelas "flores"!

      Abração
      Jan

      Excluir
  6. JAN, vim te avisar que acabaram de te descobrir por lá,rs Foi a Natália, que hoje acertou todas...

    http://chicabrincadepoesia.blogspot.com.br/2014/09/e-hoje-as-flores-vao-para26.html


    beijos floridos, tudo de bom,chica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obá!!!!
      Eu sempre quis ganhar dessas suas flores, Chica.
      Vou guardá-las sempre DENTRO DO CORAÇÃO. ;-))

      Abração
      Jan

      Excluir
  7. Jan:
    Como sempre você coloca seu bom-humor, pra nos contar uma história, que ainda bem, teve um final feliz, rsrsrsr.
    E mesmo com sua coordenação comprometida, não perdeu sua vaidade e principalmente sua auto-estima.
    Bom final de semana!
    Bjs.:
    Sil

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Sil!
      Naquele dia foi engraçado mesmo!

      Certamente, as situações hilárias que vivi, me ajudaram a desarmar a "bomba" de verdade...

      Abração
      Jan

      Excluir
  8. Oi Jan,

    que legal essa sua colega de trabalho, ela pensou primeiro em cuidar
    das coisas que você gosta para depois se retirar do local.
    Também adoro uma proteção labial.

    Bejim.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Meire!
      Sei lá o que se passou na cabeça dela... se é que se passou algo ;-)))
      O fato é que me fez bem!!
      Obrigada por comentar!

      Abração
      Jan

      Excluir
  9. Olá,Boa noite, Jan
    ah, ri demais ...quando era bancário, muitos dos alarmes eram falsos, mas tive que aprender a conviver coniventemente com ele, ao contrário ficaria com os nervos em "frangalhos"...e é assim, o ser humano se adapta a ocorrência, a aceita e, mesmo não gostando do que está vendo ou acontecendo, segue sua vida convivendo “normalmente” com ela...você é vencedora e uma guerreira e é bacana saber que é uma guerreira vencedora que não dispensa um batom...
    Obrigado pelo pelo carinho,belo domingo,belos dias,beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Felis!
      Naquela ocasião fiquei assustada... hoje confesso que sinto alegria aao relembrar aqueles momentos em que pude me sentir igual a todos que passaram por aquela ameaça... com ou sem batom ;-)
      Acredito que eu seja "vencedora" por vivido experiências e corrido riscos normais...

      Abração
      Jan

      Excluir
  10. Uma colega que volta para trás, numa situação de possivel perigo, só para ir buscar o seu baton, era mais do que uma colega, era uma amiga. Gosto imenso de ver uma mulher bem maquilhada, mas pessoalmente não o costumo fazer, só mesmo em situações muito especiais, talvez por falta de hábito, ou tempo, nem sei...
    Um grande beijinho
    Maria

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente, a S. foi(é...) uma grande amiga e nunca nos vimos sem batom...
      NÃO fazer uma maquiagem leve diariamente é falta de hábito... eu nunca tive muito tempo, mas tinha hábito (como tomar banho ou escovar os dentes)...
      Há 15 anos perdi a condição motora (coordenação fina) e perdi também o hábito.

      Abração
      Jan

      Excluir
  11. As mulheres e seus batons...rss...adorei a sua história,Jan! bjs e bom final de semana,

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Viu só Anne? Foi bom ter usado batom.
      Hoje tenho boas histórias pra contar ;)-

      Abração
      Jan

      Excluir
  12. Boa noite Jan, como vai?
    Venho agradecer-lhe o carinho por lá e desejar-lhe uma excelente primavera! (Aqui o outono chuvoso;))!
    Beijinhos,
    Ailime

    ResponderExcluir

QUE BOM QUE VOCÊ VEIO!
PRETENDO RESPONDER AO SEU COMENTÁRIO...
SENTE-SE, TOME UM CAFEZINHO E CONVERSE COMIGO.

VOLTE SEMPRE