PÁGINAS INDEPENDENTES

13 de set de 2014

A HISTÓRIA DAQUELAS MARGARIDAS


Margaridas espalhadas sobre pedras e dormentes... qual  será a história a envolver estas flores?



Esta é a minha participação no Projeto



Uma imagem - 140 Caracteres, atualmente sob a responsabilidade
da SIL e da MARI


34 comentários:

  1. Olá Jan, uma questão bem colocada!
    Tanto que pode estar na origem daquelas margaridas colocadas ali
    Felicidade encontrada, felicidade perdida?
    Não sabemos, mas a imagem presta-se a muitas e variadas interpretações!
    Beijinhos e um bom domingo.
    Ailime

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ailime!
      Há várias boas respostas contidas nas frases dos participantes... e a sua é uma delas, bem real e realista.

      Abração
      Jan

      Excluir
  2. Sabe-se lá né minha amiga?! Contudo, sua interpretação foi super intuitiva e nos faz pensar em variáveis outras... Sabe? A imaginação dirá.

    Linda interpretação sobre as margaridas deixadas sobre os trilhos...
    bjão

    ResponderExcluir
  3. É verdade!Algo deve ter atrás delas. Linda inspiração! bjs, ótimo domingo! chica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Chiquita!
      Sempre há alguma história...

      Abração
      Jan

      Excluir
  4. É, Lu!
    E são tantas as variáveis!
    Algumas estão por aqui, nas postagens dessa BC, outras só Deus sabe!
    Obrigada pelo comentário!

    Abração
    Jan



    ResponderExcluir
  5. Olá, querida JAN
    Acredito que uma linda história para ter flores como cenário...
    Bjm fraterno

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom dia, Roselia!
      Seu comentário é muito otimista. Obrigada!

      Abração
      Jan

      Excluir
  6. Intrigantes flores!
    Bela participação, Jan!
    Bom domingo!
    Sonia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É Sonia, flores jogadas no leito da estrada de ferro...
      Bota "intrigante" nisto!
      :) :)

      Abração
      Jan

      Excluir
  7. Respostas
    1. Oi Norma!
      Como a experiência, que a imagem me fez lembrar não é das mais agradáveis, achei melhor 'sair pela tangente'. ;-)

      Abração
      Jan

      Excluir
  8. A curiosidade a fez pegar as flores...linda e interessante sua interpretação,Jan! bjs e bom domingo,

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Anne!
      Será que as flores vão atender à curiosidade dela...........?

      Abração
      Jan

      Excluir
  9. Este código ousado e genial foi para avisar aos soldados embarcados
    sobre o inimigo à espreita no túnel...

    Abraços, Jan

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Cristina!
      Quem sabe né Cristina?
      ;-)

      Abração
      Jan

      Excluir
  10. Jan:
    Também fiquei pensativa sobre as margaridas: Será que foram perdidas??? Esquecidas??? Quais histórias estariam por detrás dessas flores????
    Senão encontramos a resposta no antes, pelo menos podemos providenciar algumas para o depois, como eu fiz na minha participação.
    Bjs.:
    Sil

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E tivemos várias respostas aqui, né Sil!!!
      Mas é INUSITADO encontrar flores jogadas na via férrea...

      Abração
      Jan

      Excluir
  11. Oi, Jan!
    Pura sinestesia! Deve haver razão futura a compreender para todas as flores lançadas no trilho do trem.
    Bom finalzinho de domingo!
    Beijus,

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É mesmo Luma!
      Aquelas Margaridas podem suscitar medo... tristeza... alegria... saudade...esperança... motivação...

      Abração
      Jan

      Excluir
  12. Oi Jan, espero sinceramente que uma linda e feliz história de amor e vida!
    Obrigada pela visita ao Bolhinhas e as palavras carinhosas... Volte sempre quando quiser! Será um prazer... Um beijo grande!

    Teresinha Nolasco

    ResponderExcluir
  13. Oi Teresinha!
    Já tenho lindas histórias pra contar.

    Pude ver que você traz historinhas infantis pro seu blog e gostaria de garimpar pra partilhar no "nosso" E-Library (vá lá e veja como funciona).
    Quero começar partilhando "Memórias de um trenzinho". Posso?

    Abração
    Jan

    ResponderExcluir
  14. Oi Jan,

    que linda imagem, e adoraria saber a história das margaridas.

    Bejim.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Meire!
      A verdadeira história... eu também gostaria de saber! ;-)

      Abração
      Jan

      Excluir
  15. Adorei a indagação em sua postagem, deixando abertas tantas possibilidades de eventos envolvendo a moça e as flores. Parabéns!
    Abraços
    Mari

    ResponderExcluir
  16. Pois é, Mari.
    E li tantas histórias bonitas!

    Abração
    Jan

    ResponderExcluir
  17. Que seja uma boa e linda história. Beijo e obrigada pela visita! Renata

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Renata!
      Agora podemos escolher, entre as amigas da blogosfera, né? ;-)

      Abração
      Jan

      Excluir
  18. A mesma imagem e tamtas outras interpretações
    Gostei da sua, Jan
    Um grande abraço de
    Verena e Bichinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É, Verena, a minha forma de interpretar a imagem foi meio uma saída estratégica!

      Abração
      Jan

      Excluir
  19. Respostas
    1. Será que devo desculpá-la Verena?
      rsrsrsrsrs
      Eu, hein! Quem sou eu??? ;-)

      Abração
      Jan

      Excluir
  20. Teriam caído de mãos apressadas? Jogadas intencionalmente? Teriam brotado naturalmente?O que sabemos da história é que ali se encontravam dando cor aos dormentes.

    Instigante participação, Jan :D
    Bjos,
    Calu

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Calu!
      "ali se encontravam dando cor aos dormentes."
      Teria uma boa frase, pra mim. ;-)
      Ai, que raiva... por que não pensei nisso?? kkk

      Abração
      Jan

      Excluir

QUE BOM QUE VOCÊ VEIO!
PRETENDO RESPONDER AO SEU COMENTÁRIO...
SENTE-SE, TOME UM CAFEZINHO E CONVERSE COMIGO.

VOLTE SEMPRE